Hellen Carolina: a marca de biquíni do Sul do País

15/01/2018

Nós da RAMATEX temos orgulho do sucesso de nossos clientes.
Hellen Carolina, a marca de biquíni do Sul do Brasil é um exemplo que gostaríamos de compartilhar.
Recentemente e marca foi capa da Revista ExpansãoRS, nossos tecidos estamparam as peças da coleção.

Confira a matéria na íntegra.

Hellen Carolina: a marca de biquíni do Sul do país
Chega ao seu segundo verão com 80 mil peças de biquínis para o atacado

Praia, sol e curtição. Por que não aproveitar uma das melhores épocas do ano com elegância e atenta à moda internacional? A marca gaúcha Hellen Carolina, chega a sua segunda coleção de verão trazendo tendências de beachwear, como o decote ombro a ombro.
A empresa tem cinco anos de existência, mas os biquínis não foram a sua primeira opção para se lançar ao mercado. “A Hellen trabalhava com a minha sogra. Elas faziam polainas, mantas e atendiam Porto Alegre. Eu pegava algumas peças e atendia Gramado. No começo foi bem difícil, as pessoas não conheciam o nosso trabalho”, conta William Ellwanger, um dos proprietários do empreendimento. Foi em uma dessas viagens para Gramado, que ele observou o trabalho de uma loja e resolveu apostar nesse produto também. “Foi até que vi em Gramado uma loja com casacos de pele. Logo pensei que poderia ser mais um produto a ser trabalhado por nós. Voltei para Novo Hamburgo e procuramos os produtos para confeccionar essas peças também”, explica Ellwanger.

Empenho com foco no crescimento
Uma máquina antiga de tecelagem, mãos ágeis e uma mãe ávida por sustentar sua família e uma menina impressionada com o trabalho da matriarca. Foi assim que se deu início a parte da história da marca Hellen Carolina. A menina tornou-se mulher e hoje é proprietária da empresa, que está lançando sua segunda coleção de verão e neste ano, chega ao mercado atacadista com 80 mil peças de beachwear. “Desde pequena minha mãe dizia que se tivesse uma malharia se chamaria Hellen Carolina. Então, cresci com o nome em mente”, conta Hellen.

O ano de 2008 foi marcante para a empresária. Segundo conta Hellen, a família passou por problemas financeiros e de saúde. Sua mãe, Maluci Massuda, trabalhava no comércio de Novo Hamburgo, ficou desempregada e teve problemas de saúde. Hellen passou acompanhar a mãe em suas consultas médicas realizadas na Capital do estado. Entre essas idas e vindas, viu no comércio popular possibilidades de vendas com fabricação de peças de roupas. A velha máquina de tecelagem voltou à ativa. “Produzíamos 10 peças, depois eu ia para Porto Alegre vender. Recebia o dinheiro, fabricava 20 peças em parceria com a minha mãe e investia”, diz a proprietária. Hellen explica que todo o dinheiro investido era uma tentativa de estabilizar o pequeno negócio. A proporção dos pedidos foram aumentando e mãe e filha conseguiram estabelecer uma malharia consolidada no mercado.

“Minha mãe é sempre uma fonte de inspiração.”

De mãe para filha
Quando William e Hellen casaram, em (ANO), resolveram que era hora de ter um negócio próprio. A intenção era se desvincular da malharia da mãe e criar a sua marca. Contudo, Maluci insistiu que a filha continuasse com o nome Hellen Carolina. A matriarca criou outro nome para o seu empreendimento e a filha deu seguimento com a marca, que já estava no mercado. “Hoje, minha mãe é uma terceirizada nossa e nos apoia nas coleções criadas. Sou imensamente grata pela mãe que tenho. Pois, ela é pessoa batalhadora, que deixava de comer para sustentar a família e aprendi com ela a ser cada dia mais grata pela família que tenho. Minha mãe é sempre uma fonte de inspiração”, ressalta Hellen.

A empresária destaca que o negócio só chegou onde está porque foi um trabalho de toda a família. “Só tenho a agradecer ao meu marido William, minha sogra Andreia Ellwanger e meu pai Lucio Castro, que abraçaram junto comigo essa ideia e projeto”.

15/01/2018

© Ramatex 2019. Todos os direitos reservados.